Você já conhece o trabalho do Jean-Paul Bourdier? O cara é um fotógrafo americano que acaba de começar a carreira lançando um editorial chamado “Bodyscapes”, com 240 páginas.

Se ainda não ficou claro pra você, o termo “Bodyscapes” é a combinação das palavras “body” e “landscapes” (“corpo” e “paisagens”, em inglês). Esse nome foi escolhido pelo fato de o projeto ser uma combinação incrível de fotografia, escultura, performance, paisagens, design e arte corporal. Utilizando todas essas técnicas juntas, Bourdier foi capaz de criar imagens que mesclam (ou destacam) as paisagens com a carne humana, representada pelas modelos e bailarinas. Tudo muito colorido, tudo muito surreal, tudo muito lindo.

Clique para ampliar:



Já pode pegar a tinta e se jogar pelado no meio do mato pra tentar fazer igual?

Você vai gostar também:

Hattie Stewart e suas ilustrações em capas de revista
São Paulo: aqui bate um coração
Conheça a arte geek de Olly Moss
14 ícones da cultura pop recriados em moedas
Fotógrafo cria action figure para divulgar seus servços